GE: “Sem espaço, jovens da base ficam para trás, e Fla administra insatisfação”

Thiago hoje é titular do gol do Flamengo. Matheus Sávio e Vinicius Júnior tiveram chances e o garoto, vendido ao Real Madrid, chegou a ter sequência como titular. São exceções. Com oito contratações na temporada e 34 jogadores no elenco, as chances para a garotada ficaram escassas à medida que o grupo ia ficando mais forte.

O departamento de futebol tenta administrar o desânimo e até focos de insatisfação pregando paciência e adotando muita conversa com os jogadores formados no clube – principalmente com Léo Duarte, Ronaldo, Paquetá, Adryan e Vizeu.

A utilização maior dos jovens formados na base era uma das metas do clube, como lembraram tanto o técnico Zé Ricardo quanto Rodrigo Caetano em entrevista no fim da última temporada. O treinador e o diretor de futebol, no entanto, sempre condicionaram mais chances ao desempenho dos jogadores em treinos e jogos.

– (Utilizar mais a base) é uma das nossas metas para 2017. Mas isso vai depender do desempenho deles. Falo isso sempre para eles. Não é porque são jogadores criados aqui dentro que terão privilégios. Precisam merecer estar ali no profissional e jogar – dizia o técnico no fim de 2016.

A conversa de Mozer com Felipe Vizeu, no fim do treino da última sexta-feira – quando o jogador ia para o vestiário do Ninho do Urubu -, chamou a atenção dos jornalistas que acompanhavam a atividade. Terceira opção no ataque, o jovem atacante, que teve proposta da Ponte Preta, mas não foi liberado pelo clube, mostra abatimento nos treinos do Ninho. Contra o Resende na atividade dessa quinta-feira ele marcou dois gols. No Brasileiro, jogou 42 minutos em três partidas.

O contraste para Leandro Damião, que dá carrinho e chega a vibrar fazendo gol em treino, é notável no dia a dia do clube. Mais experiente e focado, o atacante teve sequência de três jogos como titular na ausência de Guerrero e “se matou em campo”. A expressão foi usada pelo meia-atacante Everton, em entrevista coletiva nessa sexta-feira.

Expectativa de chances na Primeira Liga e na Sul-Americana

Aposta de muita gente no clube desde a temporada do ano passado, Lucas Paquetá está no fim da fila das opções no meio de campo. O jogador chegou a discutir com o auxiliar de Zé Ricardo Cleber dos Santos num treino a portas fechadas no Ninho do Urubu há três semanas. O clube tratou o caso como situação corriqueira. Paquetá chegou a atuar por 14 minutos contra o Atlético-PR, no dia 28 de maio. Depois do episódio, voltou ao banco apenas contra a Ponte Preta.

Levantamento feito pelo Footstats com times que mais colocaram jogadores da base para atuar. Fla é o 13º colocado (Foto: Footstats)

Os garotos podem ter nova chance na volta daPrimeira Liga no fim de agosto. Na semana que vem, o técnico Zé Ricardo deve mesclar a equipe para a estreia na Sul-Americana, contra o Palestino do Chile. O treinador cobra motivação para a hora que a oportunidade aparecer. Até por isso o Flamengo evita sondagens para seus jovens jogadores – a exceção foi o empréstimo de Cafu.

Capitão de Zé Ricardo na Copinha de 2016, Léo Duarte só fez três jogos oficiais nesta temporada. Recentemente, ele recebeu elogios de Juan, que pediu paciência ao jogador. Outro que tenta administrar a ansiedade e a falta de oportunidades é o volante Ronaldo. O jogador passou por pequena cirurgia e ficou alguns dias afastado dos treinos.

O meia-atacante Adryan, que está nos últimos seis meses de contrato com o Flamengo, participou bem de um dos amistosos no Ninho, mas só entrou em campo em dois jogos da Primeira Liga neste ano e em duas partidas no Carioca. O empresário do jogador já disse que considera o ciclo do meia perto do fim no Flamengo. Recentemente, a namorada do jogador expôs a insatisfação com a falta de chances nas redes sociais. No ano passado, Adryan chegou a ser colocado em negócio pelo aluguel do Engenhão, para empréstimo do Botafogo, mas o Alvinegro não aceitou a oferta.

Fonte: Globo Esporte

O post GE: “Sem espaço, jovens da base ficam para trás, e Fla administra insatisfação” apareceu primeiro em Coluna do Flamengo – Notícias, colunas, contratações, jogos e mais.


Fonte: Coluna do Flamengo

Deixe uma resposta